Um dos presos em Gramado pelo assalto a banco em Criciúma é um dos líderes do PCC, maior facção do Brasil

Após as prisões que aconteceram nesta quinta-feira(3) na cidade de Gramado, um dos suspeitos foi identificado pela polícia como membro do Primeiro Comando da Capital(PCC), a organização criminosa mais conhecida do Brasil. O homem identificado é Márcio Geraldo Alves Ferreira, que é conhecido no mundo do crime como Buda.


O Banco do Brasil foi assaltado na madrugada de terça(1) por cerca de 30 bandidos encapuzados na cidade de Criciúma. Todo o roubo durou cerca de 1 hora e 45 minutos. Algumas pessoas foram feitas de reféns. Além disso, fizeram diversos bloqueios e barreiras para impedir a ação policial.
Via Noticias Padrão.