Polícia prende “Cangaceiro do PCC”, um dos criminosos mais procurados do país

Uma operação das polícias estaduais prendeu José do Carmo Silvestre, o Pintado, acusado de assaltar bancos e de financiar o PCC.

Ele estava na lista dos criminosos mais procurados pelo país. O nome de Pintado foi retirado pouco depois de o Ministério da Justiça divulgar a listagem.

Sua detenção ocorreu na última quinta-feira, em Salvador. Pintado estava foragido há pelo menos 12 anos e era apelidado também de “cangaceiro do PCC”.

Segundo a polícia, o criminoso recrutava pessoas para fazer grandes assaltos a bancos e transportadores de valores. O dinheiro dos assaltos era usado para financiar o PCC.

Há também a suspeita de que Pintado participou do roubo à base da Prosegur no Paraguai, em 2017