Mulher suspeita de matar o marido, de 56, a facadas, é o segundo esposo que ela mata, no mesmo local, em cinco anos.

Uma mulher de 53 anos foi presa nessa quarta-feira (02), em Ladário, suspeita de matar o marido, de 56, a facadas. Conforme a polícia, é o segundo esposo que ela mata, no mesmo local, em cinco anos.

A polícia recebeu informação de que havia um corpo na casa e foi ao local. Quando os policiais chegaram, se depararam com a mulher sentada em frente à residência. Ela confirmou que Egino Amaro Pereira estava morto e deu versões diferentes sobre a causa.

Conforme a polícia, primeiro ela disse que chegou em casa e encontrou o corpo no quintal. Depois, falou que o marido havia escorregado sozinho e caído e, por fim, que ele a havia agredido e ela o empurrado.

Os policiais então entraram na casa e encontraram o corpo no quintal, em meio a muito sangue e ao menos três perfurações de faca nas regiões da cabeça, costas e pélvica.

Diante das contradições da mulher, da ficha criminal dela e dos sinais de violência no corpo, ela acabou presa, mais uma vez. Em 2017 ela foi autuada em flagrante, suspeita de ter matado o então marido a facadas e paulada, na mesma casa.

A Polícia Civil segue com investigações para apurar toda a dinâmica do assassinato e a participação de outras pessoas, o que poderá ser melhor esclarecido com os laudos periciais.