Ministério envia tropas da Força Nacional para combate ao crime organizado em MSMinistério envia tropas da Força Nacional para combate ao crime organizado em MS

O Ministério da Justiça e Segurança Pública está enviando tropas da Força Nacional de Segurança Pública para reforçar o combate ao crime organizado em Mato Grosso do Sul nos próximos 60 dias. A portaria foi publicada na edição desta quinta-feira (31) do DOU (Diário Oficial da União).

O reforço passou a contar desde ontem, quarta-feira (30) e vai até 27 de fevereiro de 2021. Não foi definido o número de militares que virão para o Estado.

A permanência da Força Nacional pode ser prorrogada. Caso a Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) não a peça, o efetivo deixa o Estado com o fim do prazo.

O Jornal Midiamax procurou o titular da Sejusp, Antônio Carlos Videira, para questionar os motivos da vinda das tropas federais, mas não obteve resposta até esta publicação.

Fronteira
A Força Nacional já atua há vários meses em Caarapó e Dourados. A presença das tropas nas duas cidades foi prorrogada, em novembro, até 15 de janeiro de 2021.

O objetivo é acompanhar os conflitos entre indígenas e produtores rurais na região de Dourados. Já em Caarapó, tropas atuam desde 2016, após o ataque e morte do Guarani-Kaiowá e agente de saúde indígena Cloudione Rodrigues Souza, de 26 anos.

Foto Destaque: Antonio Cruz, Agência Brasil