Dois policiais civis são executados a tiros no Bairro Itanhangá

Conforme informações preliminares, os dois foram atingidos por tiros na cabeça

Os policiais civis mortos na tarde de hoje no Centro da capital foram identificados como Jorge e Antônio Marcos Roque da Silva e Jorge Silva dos Santos e eram lotados na DERF, (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos) e estavam fazendo a escolta de presos.

Crime aconteceu na Rua Joaquim Murtinho (Foto: Paulo Francis)
Crime aconteceu na Rua Joaquim Murtinho (Foto: Paulo Francis)

Dois policias civis foram assassinados na tarde desta terça-feira (9), na Rua Joaquim Murtinho, próximo ao cruzamento com a Avenida Fernando Corrêa da Costa, no Itanhangá Park, em Campo Grande.

Eles estavam em um Fiat Mobi branco, descaracterizado, e foram atingidos por vários disparos.

Conforme informações preliminares, os dois foram atingidos na cabeça. Um deles chegou a ser socorrido por militares do Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos. Ele foi identificado apenas como Jorginho. O outro morreu antes mesmo do socorro.

Informações de testemunhas apontam que os policiais transportavam dois presos e que após o atentado, os suspeitos fugiram a pé, algemados, em direção ao Hemosul da Avenida Fernando Corrêa da Costa.

Um deles foi recapturado. Ele teria sido encontrado no Bairro Guanandi, em um Volkswagen Polo. O outro escapou em um Honda Civic. Detalhes ainda não foram divulgados. Campogrande news