DJ de 24 anos de Ponta Porã é encontrado morto em quarto de hotel

Um músico de 24 anos foi encontrado morto na noite desta quarta-feira, dia 29 de setembro, em um dos quartos do Hotel Grand Park, localizado na Avenida Afonso Pena, em Campo Grande. Leonardo Vieira Toffolli passava por tratamento para desintoxicação química e estava acompanhado no hotel de profissional de uma clínica paulista.

Leonardo, conhecido pelos amigos como Teréu, foi encontrado por volta das 22 horas. Segundo o boletim de ocorrência, o jovem é de Ponta Porã, cidade sul-mato-grossense na fronteira com o Paraguai, mas estava em São Paulo para tratamento psiquiátrico em uma clínica de reabilitação.

Em 22 de setembro, Leonardo voltou a Campo Grande acompanhado de um funcionário da clínica, que tinha missão de evitar que ele tivesse recaídas, e se hospedaram no Hotel Grand Park. Segundo o site Campo Grande News, apesar do cuidado exigido, os dois ficaram em quartos separados. Após horas sem contato, o acompanhante procurou o DJ e já o encontrou morto.

A perícia e a Polícia Civil foram chamadas. Não havia sinal de violência ou de crime, mas os peritos constataram que ele já estava sem vida há pelo menos oito horas. Para a investigação, contatado, o irmão de Leonardo afirmou que ele não sofria de nenhum problema de saúde, apenas estava na fase da desintoxicação química.

O celular do DJ e um papel, cujo teor não foi revelado pela polícia, foram os únicos objetos apreendidos pela perícia no quarto. Nas redes sociais, amigos próximos revelaram mensagens de carinho e incentivo enviadas pelo rapaz, próximo a hora da morte. “Não deixa os outros derrubar você, você é forte irmão”, enviou a um deles. Dourados news