DEFRON, em atuação conjunta com o 2º Distrito Policial de Dourados, apreende uma pistola calibre .45, 164.400 quilos de maconha, 3.300 quilos de skunk

Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira-DEFRON, em atuação conjunta com o 2º Distrito Policial de Dourados, apreende uma pistola calibre .45, 164.400 quilos de maconha, 3.300 quilos de skunk, 101 gramas de pasta base de cocaína, recupera bens subtraídos e efetua a prisão de 04 pessoas.

Investigações em curso apontavam que três indivíduos, um deles com o apelido de Cuiabano, seriam os principais traficantes de maconha, skunk e cocaína no bairro Dioclécio Artuzi, em Dourados, além de receptaram bens subtraídos por diversos autores de furtos.

Assim, em uma atuação conjunta na tarde desta quarta-feira policiais da DEFRON e do 2º DP de Dourados realizaram uma ação no Bairro Dioclécio Artuzzi, onde apreenderam em imóveis vinculados aos indivíduos acima citados 164.400 quilos de maconha, 3.300 quilos de skunk e 101 gramas de pasta base de cocaína.

Ademais, os policiais recuperaram rodas automotivas, bateria e outros itens furtados havia poucos de automóveis apreendidos pela DEFRON/DOF.

Sobre os presos, Cuiabano, com a idade 32 anos, trata-se de indivíduo com extensa ficha criminal, sendo efetuada, também, a prisão de seu enteado, com a idade de 21 anos. Já o outro flagrado, com a idade de 23 anos, seria o gerente de Cuiabano no tráfico de drogas.

Em continuidade às diligências, no Bairro Novo Horizonte os policiais efetuaram a prisão de indivíduo vinculado a Cuiabano, que possuía irregularmente em sua casa uma pistola calibre .45.

Cuiabano e seus dois comparsas foram autuados em flagrante pela prática de tráfico de drogas, associação para o tráfico e receptação.

Já o indivíduo que possuía a pistola, foi preso em flagrante pela prática de posse irregular de arma de fogo.