Brasileiro acusado de duplo homicídio é expulso do Paraguai

O brasileiro Claudio Camargo, de 41 anos, foi expulso na tarde desta terça-feira (1) do Paraguai. Ele responde por um caso de duplo homicídio no Brasil e tinha mandado expedido pela Justiça.

Além dos crimes cometidos no Brasil, Camargo estava preso no Paraguai há quase um ano, por tentativa de homicídio. Ele esfaqueou um amigo em um bar em Ciudade del Este, na fronteira com Foz do Iguaçu, no dia 14 de dezembro de 2019.

No acordo de Comando Tripartite entre Paraguai, Brasil e Argentina, o juiz de garantia penal Bernardo Silva ordenou a expulsão de Camargo de nosso país. Por volta das 14h, ele foi entregue às autoridades federais brasileiras para responder à investigação aberta contra ele. MIDIAMAX