Apreensão de cigarros subiu 600% no primeiro mês do ano na fronteira

Em 30 dias, DOF apreendeu 85,9 mil pacotes de cigarro contrabandeado do Paraguai, 74 mil em duas semanas.

As apreensões de cigarro contrabandeado do Paraguai, feitas pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira), aumentaram pelo menos 600% em janeiro deste ano em comparação com o mesmo mês de 2019.

Do dia 1º até ontem foram apreendidos 85.975 pacotes de cigarro e seis veículos, sendo três utilitários e três de passeio. Oito pessoas foram detidas. São 859.750 maços, ou 17,1 milhões de unidades. Só nos últimos 15 dias foram 74.500 pacotes retidos.

Conforme balanço divulgado nesta sexta-feira pelo serviço de comunicação do DOF, que tem sede em Dourados, o resultado se deve à ação integrada entre Ministério da Justiça e Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, através da Operação Hórus, desencadeada no ano passado na faixa de fronteira.

Para o diretor do DOF, coronel PM Marcos Paulo Gimenez, o resultado está diretamente ligado à integração entre forças federais e estaduais no combate aos crimes transfronteiriços.

“Através desse trabalho em conjunto, temos conseguido expandir nossas ações, e, consequentemente, aumentar o número de apreensões, além de ampliar nossa presença na fronteira”, afirmou. CGNEWS