Policiales

Quase 600 kg de maconha são trocados por tijolos, barro, gesso e cal dentro de delegacia

Droga, apreendida há seis anos, estava armazenada no 90° DP, na Zona Norte. Substituição foi descoberta na sexta (15), quando material seria incinerado. SSP diz que Corregedoria investiga o caso.

Quase 600 kg de maconha foram trocados por tijolos, barro, gesso, cal e pedaços de madeira dentro de delegacia em São Paulo.

A droga foi apreendida há seis anos por policiais do 90° Distrito Policial, no Parque Novo Mundo, na Zona Norte da capital.

O material seria incinerado nesta sexta-feira (15). Uma promotora de Justiça que acompanhava o procedimento estranhou o peso de um dos pacotes, que estava mais leve do que deveria, e mandou que fossem abertos.

Em outubro do ano passado, uma tonelada de maconha já havia desaparecido do primeiro Distrito Policial, na Sé. A Corregedoria ainda investiga o caso.

O material encontrado foi levado de volta ao 90° DP. Neste sábado (16), peritos estiveram no local para examinar os pacotes e lacres em busca de impressões digitais.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública (SSP) afirma que «durante incineração de 2 toneladas de drogas, ocorrida nesta sexta-feira (15), foi constatado que 593 quilos de maconha, aprendidos em 2013, que seriam destruídos, não correspondiam à substância registrada.»

O texto diz ainda que a incineração foi suspensa e instaurado Inquérito Policial na Corregedoria da Polícia Civil para a devida apuração dos fatos.

Comentarios

Más popular

Hasta arriba