Policiales

Mulher se suicida ateando fogo no próprio corpo, em Paranhos

Vítima de 55 anos sofria de depressão e já havia falado em tirar a própria vida, segundo relatou uma filha à polícia.

Vilson Nascimento

Uma mulher de 55 anos, teria cometido suicídio ao atear fogo no próprio corpo, fato ocorrido na manhã dessa quarta-feira, 6 de novembro, na Avenida Alberto Ratier, região central da cidade, em Paranhos, fronteira com o Paraguai.

Delanir teria sido encontrada pela filha com o corpo ainda em chama sobre esta cama, na residência onde morava. (Foto: Divulgação)

Segundo consta no boletim de ocorrência registrado na Delegacia de Polícia Civil de Paranhos, que vai apurar o caso, no início da manhã a filha de Delanir Vilhalba, de 55 anos, uma jovem de 24 anos, teria informado à vítima que iria até o mercado para comprar queijo e pão.

Nesse instante a mulher teria falado para a jovem; “não precisa mais ficar gastando dinheiro comigo minha filha”.

Momentos mais tarde, ao retornar do mercado para casa, a jovem teria se deparado com sua mãe ainda em chamas sobre a cama. 

Ela teria jogado água para apagar as chamas, mas Delanir, que teve o corpo parcialmente carbonizado, já estava morta.

De acordo com a ocorrência policial, a mulher teria utilizado um frasco de álcool e um isqueiro para atear fogo no próprio corpo.

Segundo consta na ocorrência, a filha da vítima teria relatado à polícia que sua mãe sofria de depressão, tomava remédio controlado e por mais de uma vez teria falado que pretendia cometer suicídio.

De acordo com a jovem, Delanir Vilhalba estava com consulta psiquiátrica marcada para esta quinta-feira, dia 7 de novembro, na cidade de Dourados.

Fonte: A Gazetanews

Más popular

Hasta arriba