Policiales

Militares rodoviários são presos pelo Bope com dinheiro de propina em Ponta Porã

Três policiais de serviço no Posto Aquidaban, na MS-164, foram presos em flagrante nesta sexta

Três policiais militares rodoviários de Mato Grosso do Sul foram presos em flagrante por corrupção na manhã desta sexta-feira (15) perto da fronteira com o Paraguai. O Campo Grande News apurou que as prisões foram feitas por uma equipe do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais).

O setor de comunicação do Comando Geral da Polícia Militar confirmou o fato, mas disse que ainda não tem todas as informações e ainda nesta sexta deve ser divulgada uma nota oficial sobre o caso.

Os policiais presos são conhecidos por Acácio, Barbosa e Fonseca, lotados no Posto Aquidaban, a MS-164, que liga Ponta Porã aos municípios de Maracaju e Dourados. Eles teriam sido presos por uma equipe do Bope que atua na Operação Fronteira Seca.

A reportagem apurou que policiais do Bope abordaram um carro com contrabando na região conhecida como «Copo Sujo», nos limites dos três municípios e a 40 km do Posto Aquidaban. A rodovia é uma das principais rotas do contrabando que sai do Paraguai com destino à Capital.

Os ocupantes do carro disseram que tinham passado com a carga pelo Posto Aquidaban porque fizeram um «acerto» com os três policiais de serviço no local.

O Campo Grande News apurou que a equipe do Bope foi ao posto, encontrou o dinheiro pago pelos contrabandistas e prendeu os três policiais em flagrante. Os três foram levados para a Capital. PONTANFORMA

Comentarios

Más popular

Hasta arriba