Agronegocio

Soja: Com boas e persistentes chuvas previstas nos EUA, mercado fecha 6ª em alta na CBOT

O mercado da soja intensificou seu movimento de alta e terminou o dia com altas de mais de 9 pontos na Bolsa de Chicago. A sexta-feira (14) foi mais um dia de bons ganhos para a oleaginosa que segue usando de combustível o clima adverso do Corn Belt. Assim, o contrato julho terminou o dia com US$ 8,97 e o agosto superou os US$ 9,00 para terminar o pregão com US$ 9,03 por bushel. 

As condições ainda são muito adversas para os trabalhos de campo e para o desenvolvimento dos trabalhos de campo nos Estados Unidos. O plantio da soja já se mostra muito atrasado em relação a 2018 e anos anteriores e, para a germinação e desenvolvimento dos campos, as próximas semanas também não deverão trazer um cenário adequado. 

São esperados dias de mais chuvas em todo o cinturão produtivo, com os maiores acumulados sendo esperados para a porção leste do Corn Belt, onde estão alguns dos estados mais importantes na produção de grãos e onde o atraso na semeadura é gravíssimo. 

«Há grandes acumulados previstos para o sudeste das Planícies ao leste do Meio-Oeste americano na próxima semana», diz o analista sênior do portal Farm Futures, Bryce Knorr, referindo-se ao mapa do NOAA, o serviço oficial de clima para os EUA, que traz a previsão para os próximos 7 dias. 

NOAA 7 dias EUA
Comentarios

Más popular

Hasta arriba