Otros

Vendas de veículos crescem 20,05% no 1º bimestre

No Estado, aumento foi de 20,6%

O volume de vendas de veículos novos de todos os segmentos no segundo mês de 2019, superou em 23,6% a comercialização do ano passado em Campo Grande. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) e apontam que em fevereiro foram negociados 2.336 unidades diante de 1.890 de 2018. No ano foram 4.515 vendas, alta de 15,27% em relação ao mesmo período do ano passado.

No Estado o resultado também foi positivo no mês totalizando 4.666 unidades, diante de 3.869 veículos de 2018, aumento de 20,6%. Já no acumulado do ano o avanço ficou em 15,6% saltando de 7.986 para 9.235 unidades vendidas.

Brasil

De acordo com o levantamento realizado pela os emplacamentos de veículos, somando todos os segmentos somados (automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários e outros veículos) acumularam crescimento de 20,05% no primeiro bimestre do ano, ante igual período do ano passado, somando 599.188 unidades emplacadas, contra 499.117 no acumulado do primeiro bimestre de 2018.

Em fevereiro, foram emplacados 295.880 veículos, o que representa alta de 28,62% na comparação o mesmo mês do ano passado, quando foram licenciadas 230.042 unidades. Quando comparado com os 303.308 veículos emplacados em janeiro, o resultado é 2,45% menor.

A média diária de vendas em fevereiro, que teve 20 dias úteis, foi 7,31% superior a registrada em janeiro, que acumulou 22 dias úteis de vendas.

Para o Presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, o desempenho do bimestre confirmou a expectativa da entidade. “Ao iniciarmos 2019, projetamos a retomada do crescimento das vendas para todos os segmentos de veículos, baseada na recuperação da economia, como um todo. Estamos atravessando mais uma etapa da recuperação do Setor, visualizando a continuidade da queda na inadimplência, um crescimento, ainda que modesto, na geração de empregos, o controle da inflação e das taxas de juros, a confiança do consumidor e do empresário em alta e, ainda, o aumento na oferta de crédito. Todos esses aspectos somados resultarão no desempenho das vendas de veículos, conforme a Fenabrave projeta para o ano” ressalta o Presidente.

Segundo os dados apresentados pela entidade, os segmentos de automóveis e comerciais leves, somados, totalizaram 380.502 unidades emplacadas neste primeiro bimestre, resultando em alta de 16,31% sobre o mesmo período do ano passado, quando foram emplacadas 327.149 unidades. Fonte: Correio do Estado

Comentarios

Más popular

Hasta arriba