Tecnologia

Model S e Model X foi prejudicial para a bateria destes carros

As atualizações de software da Tesla permitem que, remotamente, a marca possa agir diretamente sobre os seus carros. São pequenas alterações que são enviadas OTA e que melhoram substancialmente vários componentes.

Aparentemente não foi este o resultado com a mais recente atualização recebida. As queixas dos condutores são muitas e dão conta que os Model S e Model X perderam autonomia. Há casos em que esta perda chega aos 50 km.

Tesla Model S Model X baterias atualização

Perdas de autonomia das baterias atingem os 50 km

Não são todos os carros que estão a ter este comportamento, mas do que é revelado, há muitos que perderam consideravelmente autonomia. Este problema parece ter chegado com as atualizações 2019.16.1 e 2019.16.2 e afeta os modelos equipados com o pack de baterias de 85 kWh. Estes carros perderam entre 20 a 50 km de autonomia.

Os condutores afetados depressa contactaram a Tesla para saber o que poderá estar a acontecer, uma vez que esta não é uma situação normal. Um deles, David Rasmussen, acompanha de perto a disponibilidade da bateria do seu Tesla e notou que teve um decréscimo muito elevado. No seu caso, a perda foi de 50 km.

Tesla Model S Model X baterias atualização

Tesla referiu ao clientes que é uma perda normal

A resposta da Tesla neste caso foi estranha. A marca referiu que esta diferença se deve ao desgaste natural das baterias e não da atualização. Esta não é uma situação que não pode verdadeira, uma vez que em apenas 5 semanas perdeu 11% da autonomia do seu Model S.

Este desgaste é uma realidade, mas não ao ritmo que se está a ver acontecer. A Tesla referiu sempre que esta degradação seria sempre inferior a 10%. Mostrou também que apenas surgiria após os primeiros 250 mil quilómetros. No caso de Rasmussen, esta autonomia passou de 398 km para 349 km.

Tesla Model S Model X baterias atualização

Marca quer proteger os Model S e Model X

A resposta da Tesla, quando confrontadacom esta situação de forma oficial, acabou por dar uma resposta diferente. A marca referiu que esta alteração se deve à necessidade de proteger as baterias e melhorar a sua longevidade. Referiu ainda que esta medida deverá impacto numa percentagem pequena de carros.

Esta é uma má notícia para todos os que têm os modelos mais antigos do Tesla Model S e do Model X. A marca irá trabalhar no sentido de diminuir o impacto desta medida. No entanto, a sua preocupação principal é mesmo o aumento da vida útil das baterias.

Más popular

Hasta arriba