Otros

Estratégias para controlar o apetite

Estratégias para controlar o apetite

O estilo de vida mudou bastante com o avanço do tempo, o que antes era fácil de ser identificado como um sentimento de fome, hoje pode ser confundido com várias situações hormonais ou emocionais que permite confundir a necessidade de se alimentar com a simples vontade de ingerir alguma caloria, sendo assim a facilidade em obter comida transformou a necessidade em desejo, para isso conheça algumas estratégias para controlar o apetite:

O poder da mastigação: saborear os alimentos é fundamental, o cérebro leva de 15 a 20 minutos para ativar o mecanismo de saciedade, que sinaliza o momento certo de parar de comer. Se não oferecemos este tempo ao organismo, aumentamos o volume de alimentos nas refeições ou então podemos ficar com fome mais rápido. Por esse motivo, quando você se sentar à mesa para fazer alguma refeição, lembre-se de mastigar bem e saborear cada textura, aroma e sabor do seu alimento, dando tempo aos seus hormônios da saciedade para agir corretamente. Procure descansar os talheres enquanto mastiga e evite fazer outras atividades durante a alimentação.

Fome pode ser desidratação: lembre-se que nem sempre o sentimento de fome quer dizer que você está precisando de ingerir calorias. Você pode estar simplesmente desenvolvendo uma leve desidratação por ter passado um longo período sem tomar água. Por isso, antes de correr para os lanches em horários inapropriados, tome um bom copo de água, se a sensação passar, é sinal de que você estava precisando se hidratar.

Fracione as refeições: além das grandes refeições, os lanches intermediários têm papel fundamental no controle da fome, isso porque evita de ficarmos com uma fome exagerada na hora das grandes refeições, o que possibilita escolhas alimentares melhores e refeições sem exageros. Opte nos alimentos fonte de proteína, ela é um nutriente que confere saciedade.

Consuma mais fibras: a fibra auxilia na sacieade, pois alimentos ricos em fibras necessitam de mais tempo de mastigação. Além disso tem capacidade de formação de géis, que forram a parede estomacal, retardando o esvaziamento gástrico, e aumentando assim a sensação de saciedade. O esvaziamento gástrico mais lento pode tornar a digestão mais demorada resultando em menor absorção de gordura e glicose. Dica excelente!

Durma bem para comer menos: poucos sabem, mas quando o sono é irregular, é natural sintir mais fome. Poucas horas de sono interfere na regulação da leptina, um hormônio que atua no controle da saciedade. A leptina tem sua produção afetada quando dormimos menos e, por esse motivo, sentimos mais fome ao longo do dia. Portanto, que tal prestar um pouco mais de atenção na qualidade do seu sono? No mais, coma algo mais inteligente. Quando as guloseimas chamarem sua atenção, descubra uma opção rica em nutrientes que você possa comer no lugar. Iogurte desnatado com frutas ou castanhas é uma boa alternativa. . Algumas vezes acabamos nos deixando ceder às tentações que prejudicam a dieta. Caso isso aconteça, não se desespere, basta fazer algumas compensações. Se você, por exemplo, não resistiu e consumiu um docinho no meio da tarde, faça uma refeição mais leve do que de costume à noite. É claro que isso não deve ser feito com muita frequência para na colocar todo seu esforço à perder. Fica a dica!

Comentarios

Más popular

Hasta arriba