Otros

Cheia do Pantanal já afeta 2,5 mil e Governo declara emergência em Corumbá

O Governo do Estado declarou situação de emergência em Corumbá, a 429 km de Campo Grande, devido às cheias no Pantanal que já afetaram cerca de 2.500 pessoas. O decreto foi publicado nesta quinta-feira (5) no Diário Oficial do Estado e declara situação de emergência pelo prazo de 180 dias nas regiões rurais e urbanas do município.

Segundo o decreto, a região do Pantanal apresentou características incomuns neste ano, com chuvas constantes e acentuado volume nas cabeceiras dos rios. “Anomalia esta que provocou o aumento do nível do Rio Paraguai, ocasionando inundação gradual e o transbordamento de suas águas”. A cheia causou alagamentos em campos e moradias, afetou a atividade dos residentes e da população ribeirinha.

A cheia do Pantanal provocou danos materiais a centenas de famílias ribeirinhas. As regiões mais afetadas foram a Barra de São Lourenço, localidades do Amolar, Chané, São Pedro, Bonfim, Coqueiro, São Francisco, Mato Grande, Bahia Vermelha, Paraguai Mirim, Ilha Verde, Castelo, Domingos, Ramos, Capim Gordura, Piuval e Tuiuiú.

O decreto autoriza a mobilização de órgãos estaduais para atuarem na reabilitação e reconstrução do cenário no município sob a coordenação da CEDED (Coordenadoria Estadual de Defesa Civil). Também autoriza a convocação de voluntários para reforçar as ações e fica dispensado de licitação os contratos de aquisição de bens necessários às atividades de resposta ao desastre, de prestação de serviços e de obras relacionadas com a reabilitação da cidade. MIDIAMAX

Comentarios

Más popular

Arriba