Política

‘Difícil não se emocionar’, diz Bolsonaro após sobrevoar área da tragédia em Minas

Um dia depois de retornar da Suiça e às vésperas de se licenciar do cargo para a cirurgia de retirada da bolsa de colostima, marcada para segunda-feira, Jair Bolsonaro sobrevoou neste sábado a área da tragédia de Brumadinho causada por rompimento de barragem de mineração da Vale em Minas Gerais. Conforme dados parciais, já são nove mortes confirmadas e mais de 350 pessoas desaparecidos. «Difícil ficar diante de todo esse cenário e não se emocionar. Faremos o que estiver ao nosso alcance para atender as vítimas, minimizar danos, apurar os fatos, cobrar justiça e prevenir novas tragédias como a de Mariana e Brumadinho, para o bem dos brasileiros e do meio ambiente», escreveu o presidente no Twitter. Acompanhado de ministros, Bolsonaro se reuniu com o governador Romeu Zema e a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, e colocou à diposição apoio federal ao governo de Minas no resgate e ajuda às vítimas, operação que já conta a atuação de equipes do Exército, Marinha e Aeronáutica. O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, disse ao G1 que o Ibama vai multar a Vale em R$ 250 milhões. A Justiça de Minas bloqueou R$ 1 bilhão da Vale que serão usados no apoio às vítimas.

É permitida a reprodução desde que citada a fonte: https://www.marcoeusebio.com.br/coluna/dificil-nao-se-emocionar-diz-bolsonaro-apos-sobrevoar-area-da-tragedia-em-minas/59047
Copyright © Marco Eusébio – Entrelinhas da Notícia

Comentarios

Más popular

Hasta arriba