Policiales

Leomar Oliveira Barbosa, Ex-braço direito de Fernandinho Beira-Mar foi solto indevidamente de presídio

Ex-braço direito de Fernandinho Beira-Mar foi solto indevidamente de presídio em Formosa
Leomar Oliveira Barbosa, de 55 anos, cumpria duas penas por tráfico de drogas, o que não foi observado por funcionários do cartório que acataram um alvará de soltura.

O ex-presidiário Leomar Oliveira Barbosa, de 55 anos, considerado ex-braço direito do traficante Fernandinho Beira-Mar e conhecido como “Playboy” foi solto do Presídio Estadual de Formosa na última quarta-feira (4), após o cumprimento de um Alvará de Soltura da Vara da Justiça Federal em Goiás. No entanto, segundo a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), a soltura foi indevida.
PUBLICIDADE.

ANUNCIE 06 MESES E PAGUE 04.
PRIMEIRO PAGAMENTO AO 60 DIAS.
Contato por mensagem de Whassap. +595 984 202944
Marketing digital para empreender na crise.

Por meio de sua assessoria de imprensa, a DGAP informou nesta quinta-feira (12), que Leomar foi liberado indevidamente, já que havia outras duas condenações contra ele na 1ª Vara de Execução Penal do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás. No site do Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO), consta que o ex-detento precisaria cumprir 12 anos 9 meses e 20 dias para obter progressão do regime fechado para o semiaberto.

Leomar cumpria pena por tráfico de drogas desde 1991, quando teve a prisão provisória decretada pela justiça. Segundo a DGAP, os funcionários do cartório da unidade, ao receberem o alvará de soltura nº 37983-58.2011.4.01.3500, não observaram que havia outras duas execuções em cumprimento.

Em 2011, uma Operação da Polícia Federal descobriu novas rotas do tráfico internacional que passavam pelo Brasil, mais especificamente pelo pantanal. Durante as investigações, um arsenal de armas foi encontrado e associado à pessoa de Leomar.

Leomar apresentou algumas horas de remição de pena, pois conseguiu provar que estudou no período em que esteve no Presídio Estadual de Formosa, contudo, o tempo restante de pena para que o detento ficasse livre é de 21 anos, 11 meses e 11 dias. De acordo com a DGPA, os funcionários encarregados foram afastados e uma sindicância foi aberta para que as circunstâncias do fato sejam apuradas.


Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

APP FM CAPITANBADO.

Oi pessoal to passando pra informar que nosso RADIO FM já tem o seu próprio App FM CAPITANBADO, sua radio para Android e o mais legal ele é GRATIS. E gostaria de pedir para todo os nossos internautas que instalem, comente e avalie o aplicativo para assim ir melhorando o App.- FM Capitán Bado: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.fmcapitanbado

Comentarios

Más popular

Arriba