Fronteira

Charuto de maconha envolvido em papel de ouro é vendido por mais de R$ 40 mil

Charuto contém 24 gramas de flores de maconha e cânhamo, envolvidas em folhas de ouro de 24 quilates. Comprador não teve nome revelado e transação foi feita através de dono de restaurante, que pagou com notas de US$ 20.

Por Agência EFE


Um dispensário de maconha recreativa de Las Vegas, nos Estados Unidos, vendeu por US$ 11 mil (cerca de R$ 42.600) um exclusivo charuto de cannabis envolvido em papel feito à base de ouro de 24 quilates, informou neste sábado (29) a imprensa local.View image on Twitter

View image on Twitter

Chris Kudialis@kudialisLVSun

$11,000 #marijuana cigar sold in Las #Vegas on Friday, thought to be the most expensive individual legal weed product sold anywhere in the United States: https://lasvegassun.com/news/2018/dec/29/paiutes-sell-most-expensive-pot-product-to-date-at/ …197:37 AM – Dec 29, 2018See Chris Kudialis’s other TweetsTwitter Ads info and privacy

O dispensário Nuwu Cannabis Marketplace, que pertence à tribo nativa Paiute, vendeu o exótico produto a um comprador de Los Angeles, que preferiu manter-se no anonimato e que efetuou a transação ontem à noite através de Brandon Hawkins, proprietário de um restaurante da cidade californiana.

O produto consiste em um charuto que contém 24 gramas de flores de maconha e cânhamo, envolvido em folhas de ouro de 24 quilates, e que foi colocado em uma fina caixa de madeira e veludo.

Segundo o jornal “Las Vegas Sun”, Hawkins pagou pelo luxuoso artigo com dinheiro, em notas de US$ 20.

O charuto é resultado de uma aliança entre a Virtue, uma empresa cultivadora em Las Vegas, e a Leira, uma firma do estado de Washington, que lançaram ao mercado uma gama de charutos exóticos, alguns dos quais são comercializados no dispensário Nuwu, no centro de Las Vegas.

Benny Tso, ex-presidente da tribo Paiute de Las Vegas, disse acreditar que os produtos exóticos como o charuto de maconha serão cada vez mais desejados e solicitados pelos clientes.

Comentarios

Más popular

Hasta arriba