Economia

Dólar sofre queda de 1% e fecha a R$ 3,86; Bolsa atinge maior nível em 3 meses

Principal índice da Bolsa brasileira, terminou em alta de 1,82%, a 99.404,39 pontos, após duas quedas seguidas

O dólar comercial encerrou a terça-feira (18) em queda de 1,05%, cotado a R$ 3,86 para venda. O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, terminou em alta de 1,82%, a 99.404,39 pontos, após duas quedas seguidas. É o maior nível desde 19 de março.

O mercado financeiro aguarda a reunião do Federal Reserve, o banco central dos Estados Unidos, prevista para amanhã. A expectativa é de que os juros se mantenham.

No Brasil, o Banco Central definirá a Selic, a taxa básica de juros, também para esta quarta-feira. Os analistas preveem que a taxa se mantenha em 6,5% ao ano. A última alteração ocorreu em março do ano passado, quando caiu de 6,75% para o patamar atual.

Nesta sessão, o Banco Central vendeu todos os 5.050 contratos de swap cambial tradicional ofertados em rolagem do vencimento julho. Em 34 operações, o BC já rolou US$ 8,585 bilhões de um total de US$ 10,089 bilhões a expirar em julho. CGNEWS

Comentarios

Más popular

Hasta arriba