Economia

Dólar fecha em alta, com investidores adotando cautela antes do Carnaval

O dólar fechou em alta nesta sexta-feira (1), com investidores adotando posição de cautela pela cena política interna e exterior antes do Carnaval. A moeda norte-americana subiu 0,69%, vendida a R$ 3,7791. Na semana, avançou de 1,03%. Em 2019, no entanto, acumula queda de 2,45%. Investidores adotaram cautela nesta sexta-feira pré-feriado de Carnaval, com o mercado fechado na segunda e na terça-feiras.

O mercado teve liquidez reduzida nesta sexta-feira, o que levanta possibilidade de alguma volatilidade, segundo operadores disseram para a Reuters. No cenário interno, agentes financeiros observaram possíveis desdobramentos ligados à Previdência. A expectativa é que a matéria comece a avançar de fato na semana após Carnaval, com a instalação de comissões especiais.

Na quinta-feira, o presidente Jair Bolsonaro admitiu a possibilidade de rever alguns pontos da reforma, entre eles a idade mínima para as mulheres, além de possíveis concessões no Benefício de Prestação Continuada (BPC). «Que existe ‘gordura para queimar’ não é segredo nem novidade, mas incomodou aos analistas a antecipação da postura de negociação mesmo antes da CCJ da PEC, o que indicaria relativa fraqueza do governo na tarefa de entregar uma reforma dura e efetiva», avaliou a corretora H.Commcor em nota.

Ao longo da semana, lideranças partidárias sinalizaram que a mudança no BPC prevista na proposta do governo seria um dos entraves que dificultaria o avanço do texto. Do panorama internacional, o mercado observou o noticiário sobre as negociações comerciais entre Estados Unidos e China, após o presidente norte-americano, Donald Trump, ameaçar desistir de acordo se ele não for bom o bastante.

Entretanto, ainda na quinta-feira, o assessor econômico da Casa Branca Larry Kudlow disse à CNBC que o progresso na semana passada «foi fantástico», acrescentando que os países estão caminhando em direção a um acordo memorável e histórico. Ainda nos EUA, dados divulgados pelo Departamento do Comércio dos EUA mostrou que a inflação permaneceu benigna em dezembro, com alta de 0,2%, repetindo ganho semelhante de novembro.

Atuação do BC

O Banco Central vendeu 14,5 mil swaps cambiais tradicionais, equivalente à venda futura de dólares. Assim, rolou US$ 725 milhões dos US$ 12,321 bilhões que vencem em abril.

Comentarios

Más popular

Hasta arriba