Economia

Dólar ensaia valorização na carona externa

O mercado de ações doméstico opera em alta nesta quinta-feira, com os investidores realizando lucros no mercado acionário e aumentando o apetite pela moeda. No cenário externo, na volta do feriado, o índice DXY – bolsa de Nova York – opera desvalorizado com a expectativa para a divulgação da ata do Comitê de Mercado Aberto – Fomc – do Federal Reserve.

Há pouco, no interbancário, a moeda estava cotada a R$3, 922 para a compra e R$3, 924 para a venda, alta de 0,28%.

MetaTrader 300×250
O dólar turismo segue cotado a R$3,770 para a compra e R$4,080 para a venda, alta de 0,25%.

O euro segue em R$4,587 para a compra e R$4,591 para a venda, alta de 0,60%.

A libra segue em R$5,182 para a compra e R$5,186 para a venda, alta de 0,09%.

Cenário externo

Na bolsa de Nova York, o índice DXY, que compara o movimento do dólar com mais seis moedas, segue em queda de 0,22% a 94,35.

O movimento do índice no negativo tem a influência da expectativa para a apresentação da ata do Comitê de Mercado Aberto – Fomc- do Federal Reserve, que será divulgada no meio desta tarde.

Os investidores ficarão atentos ao conteúdo da ata e em busca de pistas sobre o comportamento da autoridade até o final do ano, quando são esperadas mais duas altas na taxa de juros. O diferencial de taxa, que coloca os Estados Unidos acima de suas contrapartes industriais, tem sido um dos principais impulsionadores dos ganhos em dólar neste ano.

A guerra comercial está no radar, embora o governo Trump tenha dado sinais de um acordo com a União Europeia. A proposta seria de tarifas Zero sobre exportação e importação de automóveis entre os Estados Unidos e a UE.

O euro negociado em Nova York estava em alta de 0,35% a US$1.1698.

Comentarios

Más popular

Hasta arriba