PEDRO JUAN. NOVO CASO DE DUPLO HOMICIDIO