Otros

Vídeo mostra desespero após chacina em Paranhos

mostra o desespero das pessoas logo após sete amigos serem fuzilados em frente a uma pizzaria no município de Paranhos. O crime chocou a pequena cidade sul-mato-grossense que faz fronteira com o Paraguai na tarde de segunda-feira (19).

As imagens mostram pelo menos três corpos caídos na Rua Marechal Deodoro da Fonseca, que passa na frente da pizzaria. Dentro do estabelecimento, outros três homens são vistos no chão, em meio a uma grande quantidade de sangue. Um policial civil tenta socorrer uma das vítimas enquanto várias pessoas andam desorientadas no local.

VEJA OUTRO VIDEO AQUI.

A 94 FM apurou que morreram no local Bruno Vieira de Oliveira, de 26 anos, Mohamed Youssef Neto, de 26 anos, e Rodrigo Silva, de 28 anos. No hospital vieram a óbito Arnaldo Andres Alderete Peralta, de 32 anos e Denis Gustavo Gonçalves, de 24 anos. Diego Zacaria Alderete Peralta, de 26 anos e Anderson Cristiano Betoni, de 27 anos, foram socorridos com vida e encaminhados para fora da cidade.

Eles teriam sido transferidos para um hospital de Amambai e em seguida para Dourados. As primeiras informações indicam que o estado de saúde de Diego é grave. Sobre Anderson não havia novas informações até o momento em que esta matéria foi publicada.

Segundo fontes ouvidas pela reportagem da 94 FM, o prefeito Júlio Cesar de Souza vai decretar luto oficial no pequeno município que tem 12.350 habitantes, conforme o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas). Nesta madrugada ela se manifestou por meio das redes sociais. “Eu e minha família estamos tristes pelo acontecido em nossa cidade. Nossos sinceros sentimentos a todos os familiares”, afirmou.

O crime

As primeiras informações revelam que por volta de 16h30 de segunda-feira uma caminhonete Toyota Hilux de cor preta se aproximou do grupo de amigos que estava em frente a uma panificadora e pizzaria. Do veículo teriam descido dois homens armados com fuzis que efetuaram pelo menos 100 disparos. Após o crime os suspeitos fugiram para o Paraguai.

A Perícia Técnica de Amambai esteve no local. A polícia investiga a possibilidade de vingança como motivação para o crime. Isso porque as vítimas teriam se envolvido em uma briga no domingo (18) no município paraguaio de Ypehú, vizinho de Paranhos.

Comentarios

Más popular

Arriba