Otros

Três presos são encontrados mortos após banho de sol no MS

Três presos foram encontrados mortos em Mato Grosso do Sul após a realização do banho de sol. Os casos aconteceram na sexta-feira (15) e aconteceram em unidades distintas em Campo Grande, Dourados e Caarapó – as duas cidades localizadas, respectivamente, a 233 e 283 km de Campo Grande.

Em Campo Grande, Nivaldo Querino Junior, de 29 anos, foi encontrado morto no Presídio de Segurança Máxima por volta das 15h, por cinco agentes penitenciários. Ela estava sentada e escorada na parede, com a perna esticada e com fragmento de pó branco no nariz. Ele também segurava um prato, com uma “carreira” de cocaína.
PUBLICIDADE:
485x90_Chácara Florestal

A perícia foi chamado ao local e o caso foi registrado como morte a esclarecer na 3ª DP (Delegacia de Polícia Civil) da Capital. Nivaldo cumpria pena por tráfico de drogas e, em 2008, quando tinha 21 anos, fugiu da cadeia de Bela Vista. Ele foi recapturado em Ponta Porã.

Já em Caarapó, na cadeia pública da cidade, um preso de 37 anos morreu após ser espancado por outros detentos durante uma briga no momento banho de sol. Um preso de 18 anos já foi identificado pela Polícia Civil local como um dos autores, que não foi registrado pelas câmeras pois a lenta foi tampada pelos criminosos. O caso segue sendo investigado.

No mesmo dia e também após o banho de sol, Alcides Ramon Ortiz Acosta, de 24 anos, foi achado encostado em uma parede do Pavilhão 2 da PED (Penitenciária Estadual de Dourados). Ele estava sem lesões aparentes. O local foi isolado para que a perícia técnica fizesse a coleta de provas.

Acosta era paraguaio e estava preso por tráfico de drogas desde 11 de maio. Inicialmente, ficou detido na delegacia de Ponta Porã, mas foi transferido para a unidade prisional no começo de junho. O caso está sob investigação da Polícia Civil de Dourados. Até o momento, não há informações sobre ligação entre os casos.(CGNews)

PUBLICIDADE:
banner-anuncie

Comentarios

Más popular

Arriba