Otros

Tempestades no Paraguai deixam quatro mortos e 130 mil desabrigados

Quatro pessoas morreram nesta quinta-feira (24) atingidas por árvores e 130 mil estão desabrigadas por tempestades no Paraguai, país que sofre com inundações desde o início de dezembro. Três pessoas que viajavam na estrada internacional N.2, que liga Assunção a Foz do Iguaçu, no Paraná, morreram na madrugada de quinta quando uma árvore caiu sobre seu veículo.

Em Assunção, também na madrugada, uma mulher de moto foi atingida por uma árvore e morreu. A SEN (Secretaria de Emergência Nacional) informou sobre cerca de dez incidentes na capital, a maior parte envolvendo o resgate de famílias bloqueadas pela queda de árvores ou postes de eletricidade.

A Ande (estatal de energia) informou que 125 mil usuários da área metropolitana de Assunção ficaram sem energia elétrica. Além de Assunção, outros 17 centros de distribuição de energia –em várias partes do país– interromperam seu serviço.

David Arellano, chefe de operações do SEN, disse à “AFP” que prosseguem os trabalhos de resgate e evacuação de dezenas de famílias atingidas pela cheia do rio Paraguai. A inundação do rio provocou a evacuação de 13,5 mil famílias em Assunção e de outras 13 mil no restante do país, segundo as autoridades.

Os desabrigados passarão o Natal em abrigos disponibilizados pelas autoridades. O presidente Horacio Cartes decretou o estado de emergência para liberar fundos destinados às vítimas, totalizando mais de 3,5 milhões de dólares.
UOL
PUBLICIDADE:
INMOBILIARIA CAPITANBADO

Comentarios

Más popular

Arriba