Otros

SIG prende paranaense com maconha e haxixe em Amambai

SIG prende paranaense com maconha e haxixe em Amambai
Prisão aconteceu quando investigadores trabalhavam para desbaratar crimes de furtos ocorridos na cidade.

A paranaense Luciana Calixtro, de 39 anos e a droga encontrada em seu poder. (Fotos: Divulgação)

O Setor de Investigação Geral (SIG) da Delegacia de Polícia Civil local prendeu na tarde dessa segunda-feira, dia 16 de maio, uma paranaense de 39 anos transportando 158 esferas de haxixe e pelo menos 9,1 quilos de maconha, em Amambai.

A prisão de Luciana Calixtro dos Santos Ramos, moradora em Cornélio Procópio, estado do Paraná, aconteceu quando os policiais, durante processo de investigação, abordaram o ônibus que a acusada viajava para averiguar a informação de que um suspeito de praticar furtos em Amambai poderia ter embarcado no coletivo.

O suspeito não foi encontrado, mas os investigadores acabaram desconfiando da postura da mulher que aparentava nervosismo com a presença dos policiais no local.

Ao ser indagada, Luciana teria dito aos policiais que havia se deslocado do Paraná onde reside para visitar parentes em Coronel Sapucaia, na fronteira com o Paraguai, mas não sabia o endereço e teria entrado em contradição em relação aos supostos parentes.

Diante da situação os investigadores resolveram realizar uma vistoria na bagagem da paranaense, foi quando encontraram a droga.

De acordo com a Polícia Civil, ao receber voz de prisão a mulher teria relatado que havia comprado a maconha e o haxixe por R$ 5 mil em Coronel Sapucaia e levaria a droga para seu estado de origem.

Encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Amambai, ela foi autuada em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, que em caso de condenação acarreta em uma pena que varia de cinco a quinze anos de prisão.

Fonte: A Gazeta News

Comentarios

Más popular

Arriba