Fronteira

Receita Federal inaugura reforma que custou R$ 11 milhões em P.Porã

Com a presença de autoridades civis e militares foi inaugurada na tarde desta quinta-feira, dia 5, as novas instalações da sede da Receita Federal em Ponta Porã. O Repórter MS acompanhou a solenidade que ocorreu na frente das instalações reformadas, cujo projeto custou ao seu final R$ 11 milhões, e depois os convidados foram recepcionados no piso superior com um coquetel e apresentações artísticas com servidores da própria instituição.

A recepção aos convidados foi feita pelo inspetor-chefe de Ponta Porã, Marcelo Rodrigues de Brito. O secretário municipal de Administração, Paulo Roberto da Silva (Paulinho do PT), representou o prefeito Ludimar Novais durante o ato. Também estiveram presentes os secretários municipais Denize Oliveira (Educação), Ulisses Alcarás (Segurança Pública) e Ádria Cristina (Assistência Social).

Durante pronunciamento, José Oleskovicz, superintendente da 1ª região fiscal da Receita Federal, em Brasília, fez questão de destacar a parceria que a Receita Federal mantém com a Prefeitura Municipal, através do prefeito Ludimar Novais. “Quero agradecer pela parceria da Prefeitura de Ponta Porã que muito colabora na concretização desse projeto que é de interesse público. A luta agora será conseguir um terreno maior para implantar um novo local para atender os despachos aduaneiros”, disse.

Oleskovicz fez breve relato da história da Receita Federal na fronteira. “A Receita chegou aqui em 1927; já em 1976 foi elevada a categoria de inspetoria de alfândega, sendo que o prédio que hoje está recebendo essa grande reforma foi inaugurado no ano de 1980. Com os investimentos, os servidores terão um local melhor para trabalhar e poderão prestar serviços de qualidade para a nossa população”, afirmou.

Já o inspetor-chefe da Receita Federal em Ponta Porã, Marcelo Rodrigues de Brito, disse que a entrega da reforma é motivo de festa. Destacou que o projeto previa inicialmente investimentos da ordem de R$ 7,8 milhões, mas foram feitos aditivos para melhorar ainda mais o prédio, sendo que ao final o projeto custou R$ 11 milhões. “Refizemos tudo o que existia, desde os depósitos até a subestação de energia e posso assegurar que essa é uma obra muito importante para todos nós. Mas apesar das melhorias na nossa estrutura física, quero agradecer a todos que colaboraram e dizer que o maior patrimônio que temos são as pessoas e hoje temos aqui em Ponta Porã uma equipe diferenciada positivamente”, ressaltou.

Marcaram presença na inauguração o general José Fernando Iasbech, comandante da 9ª Região Militar, sediada em Campo Grande, general Rui Yutaka Matsuda, comandante da 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada, com sede em Dourados; Marcos Antônio Pereira Noronha, adido tributário aduaneiro no Paraguai; Nelson Valiente, diretor de aduanas no Paraguai; tenente-coronel Élcio Miranda Duque Botelho, comandante do 11º RCMec; Gerson Faccina (Gel), delegado do Ministério do Desenvolvimento Agrário em Mato Grosso do Sul, além de representantes de organismos policiais do Estado e federal, entre outras autoridades e personalidades. REPORTER MS

Comentarios

Más popular

Arriba