Otros

PF faz operação e prende 10 que planejavam ataque terrorista no Rio

A duas semanas do início da Olimpíada do Rio, a Polícia Federal (PF) realizou na manhã de hoje operação sigilosa de combate ao terrorismo, focando pessoas supostamente ligadas ao Estado Islâmico.

Na operação, a PF prendeu cerca de dez brasileiros que planejavam realizar um atentado terrorista durante as Olimpíadas do Rio de Janeiro. Segundo informações, os detidos são considerados integrantes de uma célula do grupo extremista Estado Islâmico no Brasil.

A PF monitorou as mensagens e ligações telefônicas trocadas pelo grupo e descobriu que eles estariam tentando adquirir armas e identificar possíveis alvos de ataques durante a Rio 2016.

Os dez presos se comunicavam por WhatsApp e Telegram, mas apenas poucos entre eles pessoalmente

CREDENCIAMENTO

O Centro Integrado Antiterrorismo (Ciant), que tem sede em Brasília, fez um monitoramento nos pedidos de credenciamento para a Olimpíada. O Ciant descobriu que 40 pessoas estão com alertas a respeito de cooperação internacional. O Fantástico mostrou, no último domingo (17), que quatro delas têm comprovadamente ligação com o terrorismo.

Elas tiveram as credenciais negadas e estão sendo monitoradas pelos serviços internacionais de inteligência. Os nomes, as nacionalidades e as acusações estão sob sigilo. O Ciant, que monitora todos os tipos de credenciamento, descobriu ainda que 61 brasileiros com mandado de prisão por crimes diversos entraram com pedido de credencial. CORREIO DO ESTADO.

Comentarios

Más popular

Arriba