Otros

MANUAL DOS SOLTEIROS: Dormir bem é uma arte que você pode dominar

MANUAL DOS SOLTEIROS: Dormir bem é uma arte que você pode dominar

A insônia é um problema de saúde bastante sério, que atinge muitas pessoas por variados motivos, dentre eles depressão, ansiedade e outros distúrbios que afetam o sono. Mas, muita gente tem dificuldade de dormir – ou dorme mal – por razões absolutamente contornáveis. Isso porque a qualidade do sono depende mais do que fechar os olhos na hora certa ou dormir as tais 8h de sono.

Os médicos especialistas em sono explicam que numa noite de sono padrão passamos por quatro estágios e o REM. No estágio 1, o corpo começa a adormecer e acontece o relaxamento muscular, mas o sono ainda é muito leve. No seguinte – a parte que mais dura ao longo de uma noite – o sono está um pouco mais pesado. Nos estágios 3 e 4, a frequência cardíaca e a pressão arterial diminuem consideravelmente.

A última é chamada de estágio REM, quando de fato o corpo descansa. Começa por volta de 60 a 90 minutos do sono e acontece em ciclos de 90 minutos, ou seja, são vários durante a noite. Nesta fase, o corpo está extremamente relaxado e os olhos movimentam-se com rapidez. É também nesta etapa que sonhamos.
O resumo da ópera é que para dormir bem é preciso garantir que as etapas de sono REM não sofram interferências. E para chegar até lá, existem algumas dicas. Confira!

Escolha seu colchão com sabedoria
A propaganda já fala que 1/3 da vida a gente passa sobre ele, lembra? Não existe mentira aí. Se a gente considerar o sono de 8h e as 24h por dia, o colchão segura a barra que é gostar da gente 1/3 do dia, logo, 1/3 da vida. Por isso, não dá para ser qualquer coisa. É preciso levar em conta seu peso, altura e a saúde da sua coluna para chegar ao colchão ideal. O vendedor vai saber te orientar.

Comprou? Rotacione e mantenha-o limpo
Já tem o colchão perfeito? Então não se esqueça de rotacioná-lo a cada 90 dias para evitar deformações. Cuide dele com carinho, também. Bem tratado, o colchão dura sua vida inteira, sem brincadeira. Uma vez por mẽs, deixe-o respirar, sem lençóis e protetores. Investir uma lavagem a seco uma vez por ano é interessante, já que os cerca de 2 litros de suor que você transpira à noite vão todo para ele.

Quarto silencioso, luz controlada e temperatura decente
Ruídos externo podem comprometer a qualidade do seu sono, assim como luminosidade excessiva. Em alguns casos drásticos, tapa-ouvidos e máscaras de dormir (ou cortinas com blacaute) podem evitar o despertar indesejado. É básico, mas não custa lembrar: ventilador, janela aberta ou ar condicionado, principalmente no verão, vão fazer os dias quentes incomodarem bem menos.

Roupa de cama limpa e cheirosa e travesseiros
Não, não é para aspergir perfume pelo quarto, que pode até ser aromatizado (como ensinamos no Manual dos Solteiros passado). Aqui, estamos falando de roupa de cama macia e limpinha, com o cheiro do sabão ou do amaciante. Isso vai inegavelmente deixar o sono mais gostoso. Sobre os travesseiros, há vários tipos: de espuma, pena de ganso, da NASA… Escolha o seu favorito, mantenha-nos limpos e troque-os a cada seis meses, no máximo, deixando-os ‘tomar ar’ a cada 15 dias, já que eles também recebem boa parte da sua transpiração noturna.

Celular: bem longe da cama
Está mais que provado que os smartphones são grandes vilões da boa noite de sono. Deixá-los carregando ao lado da cama é uma tentação para ficar olhando o Facebook a cada minuto, o que pode entrar noite a dentro e deixar seu sono bem ‘curto’. Uma boa solução é deixá-lo numa tomada longe da sua cama, até para que você também não caia na pegadinha dos ‘5 minutinhos’ quando programar o despertador – isso sem falar na onda de telefones celulares que andam explodindo enquanto carregam a bateria. melhor não arriscar, certo? Bom sono!

Comentarios

Más popular

Arriba