Otros

Homem tomba carro com droga e pede ajuda à polícia, em Amambai

Homem tomba carro com droga e pede ajuda à polícia, em Amambai
Vendedor de roupas paranaense teria saído da pista ao desviar de cavalos entre Amambai e Tacuru, diz ocorrência.
Ver mais Fotos
Clique na Imagem para ampliá-la
A droga estava acondicionada no tanque do carro conduzido pelo paranaense. (Fotos: Divulgação PRE)

O vendedor de roupas Relinson Wallace Guedes da Rocha, de 26 anos, foi preso após capotar um carro com pasta base de cocaína e pedir ajuda a uma equipe da PRE (Polícia Militar Rodoviária Estadual), em Amambai.

A prisão aconteceu na madrugada desse sábado, 18 de fevereiro, na Rodovia MS-156, trecho que liga as cidades de Amambai e Tacuru.

Segundo a PRE, ao desviar de dois cavalos na pista, Relinson, que reside em Apucarana, estado do Paraná, teria perdido o controle da direção do carro que conduzia, um Astra cor prata, placas de Apucarana-PR, que saiu para a esquerda e tombou às margens da rodovia estadual.

De acordo com a polícia, após o acidente o paranaense, que não teria sofrido ferimentos de maior gravidade, teria adentrado à pista da “Guaira-Porã”, como também é conhecida a rodovia estadual e pedido auxílio, justamente para uma equipe da PRE que realizava patrulhamento na região.

No vídeo momento que os policiais retiravam a droga do tanque

De acordo com a Polícia Rodoviária, durante conversa os policiais desconfiaram da versão do motorista e resolveram realizar uma vistoria minuciosa no carro, foi quando descobriram a existência da droga.

Segundo a PRE o entorpecente, um total de cinco tabletes de pasta base de cocaína, estava dentro de bexigas de borracha e escondido dentro do tanque do Astra.

Segundo a polícia ao receber voz de prisão, Relinson Wallace teria relatado que vendia roupas na região, por conta disso acabou sendo procurado e contatado por uma pessoa na cidade de Apucarana, onde reside, por R$ 3 mil, para pegar a pasta base de cocaína em Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai e levar até sua cidade de origem, no Paraná.

Encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, em Amambai, o vendedor foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico interestadual de drogas e permaneceu preso à disposição da Justiça.

Fonte: A Gazeta News

PUBLICIDADE.

Comentarios

Más popular

Arriba