Otros

Geada não preocupa, mas preço baixo tira o sono de produtores

Geada não preocupa, mas preço baixo tira o sono de produtores

Temor com baixas temperaturas é menor neste ano
Mesmo que ocorram geadas no Estado, a produção do milho safrinha está praticamente garantida por conta do plantio antecipado do cereal e possíveis perdas, consideradas pontuais, devem ser inferiores a 3% da produção, diante da quebra de 30% na safra passada.

A estimativa é de produtores rurais ouvidos pelo Correio do Estado e do setor de análise de agricultura do Sistema Famasul.

Para a safra 2016/2017, o milho safrinha tem área plantada de 1,8 milhão de hectares e volume de grãos recorde de 9,1 milhões de toneladas, segundo projeção da Associação de Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja-MS).

Ainda conforme Lucio Damalia, presidente do Sindicato Rural de Dourados, a geada é “o menor dos problemas” do produtor no momento, porque o milho praticamente já está garantido.

A preocupação principal é o preço do milho. O valor médio da saca do cereal negociado nas praças do Estado fechou o último dia de maio em R$ 19,75, conforme valores disponibilizados pela Granos Corretora, queda de 3,65% em relação à média de R$ 20,50 informada pelo Sistema Famasul, na semana anterior.

Fonte: Correio do Estado

Comentarios

Más popular

Arriba