Otros

Dono da Gráfica Alvorada também é levado para PF, onde está Puccinelli

Dono da Gráfica Alvorada também é levado para PF, onde está Puccinelli

O empresário Mirched Jafar Júnior, proprietário da Gráfica Alvorada, que manteve contratos milionários com o governo estadual durante a gestão do ex-governador André Puccinelli (PMDB), também foi levado na manhã desta quinta-feira (11) para a superintendência regional da Polícia Federal em Campo grande.

Durante as investigações da Operação Lama Asfáltica, os agentes concluíram que o ex-governador manteve contratos milionários com a Gráfica Alvorada. Em 2011, ele comprou no local 102 mil exemplares do livro “Tosco”, ao custo de R$ 3,6 milhões. Em outra ocasião, gastou R$ 870 mil sem licitação para comprar livros didáticos. Em 2013, foram dois contratos de R$ 2,2 milhões e de R$ 2,9 milhões para compra de livros.

No fim da gestão de Puccinelli, exatamente no dia 31 de dezembro, foram pagos R$ 13 milhões para a gráfica, por “serviços gráficos prestados”.

No âmbito da Lama Asfáltica, o juiz federal Dalton Igor Kita Conrado ressaltou que o peemedebista foi citado por duas interceptações onde o secretário adjunto da Fazenda, André Luiz Cance, falava sobre a “alvorada e alvorecer”, que seria, segundo a Polícia Federal, referente a contrato com a Gráfica Alvorada, firmado no final da gestão dele.

Comentarios

Más popular

Arriba