Fronteira

Dólar chega a R$ 3,35 na casa de câmbio e atrai turistas

A fronteira tem o Turismo de Compras como principal atrativo e vivenciava um momento de insegurança econômica provocada pela constante alta do dólar.

PUBLICIDADE
13516469_10210132154285861_4534715048324970584_n

Dólar baixo anima comércio de importados na fronteira. Turismo de Compras registra melhor final de semana do ano e anima lojistas. (Foto: Arquivo)
A fronteira entre Ponta Porã (BR) e Pedro Juan Caballero (PY) tem no chamado Turismo de Compras, seu principal atrativo e vivenciava um momento de insegurança econômica provocada pela constante alta do dólar, que gerou incertezas no comércio das duas cidades irmãs.

Com a baixa da moeda americana ocorrida na semana passada, chegando a casa de R$3,35 e promoções com cotação de até R$2,50 o turismo de compras registrou o melhor final de semana do ano, animando lojistas e redes de serviços nos dois lados da fronteira.
PUBLICIDADE:
art forma 1

O empresário Anderson Carpes, presidente do Convention Visitors & Bureau de Ponta Porã, lembrou que a baixa do dólar com cotação nas casas de câmbio em R$3,35 e promoções, além de milhares de ofertas em cada uma das centenas de lojas da fronteira, animou os turistas que visitaram a fronteira em bom número.

“Tivemos, sim, o melhor final de semana do ano, o que foi bastante importante para que nossos empresários se empolguem em preparar a quinta e melhor de todas as edições do Black Friday Fronteira, que nesse ano acontecerá de 7 a 11 de setembro e será lançado já nos próximos dias” disse Carpes.

A rede hoteleira, bares e restaurantes, também comemorou, apresentando uma reação dos setores de serviços gradativamente. “Muitos empresários confirmaram a reação do comércio, neste final de semana. Não temos números definitivos, mas já se observa uma melhora no movimento” disse Alejandro Aranha, presidente da Câmara da Indústria, Comércio e Turismo de Pedro Juan Caballero.

A Câmara da Indústria, Comércio e Turismo confirmou o lançamento oficial da quinta edição do Black Friday para o próximo dia 15 de julho, ás 09 horas no salão de eventos do Eiruzu Hotel em Pedro Juan Caballero. O comércio de importados realiza até o próximo dia 21 de julho, a campanha dólar congelado que busca aquecer a economia da fronteira, com promoções em diversos produtos nas lojas e empresas que participam da campanha.
PUBLICIDADE:
banner-anuncie

Conferência

Ponta Porã cidade que completa 104 anos de emancipação política e administrativa, no próximo dia 18 de julho, fronteira seca com Pedro Juan Caballero, Paraguai e uma população estimada em 86 mil habitantes (censo IBGE 2015), realiza terça-feira (05) a 6ª Conferência das Cidades.

A 6ª Conferência das Cidades terá inicio ás 07h30, no Centro de Convenções Internacional de Ponta Porã através do tema: “A Função Social da Cidade e da propriedade” , com o lema : “Cidades Inclusivas, participativas e Socialmente justas”.

A Conferência deve debater temas de interesse local, políticas de desenvolvimento urbano, metas e planos para enfrentar problemas existentes na realidade da cidade.De acordo com a organização a função social da cidade e da propriedade foi escolhida como eixo condutor deste ciclo de Conferências das Cidades porque ela é o ponto central para o tema de desenvolvimento urbano orientado para inclusão e justiça social.
PUBLICIDADE:
O Shopping China está localizado nas principais fronteiras com o Brasil. Venha nos visitar!!!
13238968_1146009418790993_2969263158668697156_n

No total seis eixos estarão norteando a Conferência das Cidades em Ponta Porã: I – Cidade apresenta espaço público de qualidade acessíveis que reúnam todas as condições de pleno uso. II – A questão da melhoria no setor de habitação (moradia popular) são bem localizados e como melhorar. III- Politica de regularização fundiária urbano em favor de famílias baixa renda com titulação e registro em cartório; IV – As instâncias voltadas par ao desenvolvimento urbano no município; V – Potenciais econômicos dos Municípios e VI – Conflitos existentes na cidade e interesses que estão em disputa, agentes representantes e pacto em torno desses interesses para enfrentar esses conflitos.

Eder Rubens – Jornal O progresso

PUBLICIDADE:
AIRES DEL NORTE

Comentarios

Más popular

Arriba