Fronteira

Descontos de até 50%: para alavancar vendas, lojistas da fronteira fazem Black Friday

Descontos de até 50%: para alavancar vendas, lojistas da fronteira fazem Black Friday
Organizadores esperam R$ 80 milhões

Catarine Sturza
Midiamax

Black Friday acontece em setembro (Arquivo/Midiamax)Black Friday acontece em setembro.

Para alavancar as vendas e levar mais turistas a fronteira, os comerciantes de Ponta Porã e Pedro Juan Caballero lançam na terça-feira (23) a 5ª edição da Black Friday, que acontece de 7 a 11 de setembro. A baixa no dólar pode ajudar na movimentação. A cotação, que em janeiro chegou a R$ 4,16, nesta sexta-feira (19) está em R$ 3,21.

A iniciativa deve atrair, além da participação dos sul-mato-grossenses e paraguaios, a vinda de turistas do interior de São Paulo e Paraná, segundo o presidente da ACEPP (Associação Comercial e Empresarial de Ponta Porã), Amauri Ozório.

Ele espera que movimente R$ 80 milhões apenas em Ponta Porã. “Com a queda do dólar, nossa expectativa é atrair mais visitantes. Com isso, vamos aquecer, além do comércio, os postos de combustíveis e também a rede hoteleira da cidade”, afirma.
A ação, com apoio da FAEMS (Federação das Associações Empresariais de Mato Grosso do Sul), será lançada em Campo Grande, na sede da Fecomércio-MS, a partir das 15h.

Para o presidente da FAEMS, Alfredo Zamlutti Júnior, a Black Friday representa a oportunidade de mostrar o potencial da fronteira no segmento do comércio, com apoio do associativismo. “A união de todos os envolvidos mostra que é possível solidificar a economia do nosso Estado. Essa campanha trará grande benefício às famílias, bem como auxiliará na geração de renda para a população local, tendo em vista o dinheiro movimentado pelo consumidor”, avalia.

O evento é organizado pela ACEPP e a Câmara de Comércio e Indústria de Pedro Juan Caballero.

Comentarios

Más popular

Arriba