Otros

Crise causa migração de quase 10 mil alunos para escolas públicas

Censo mostra que número de estudantes soma 569 mil no Estado
Crise econômica tirou alunos das escolas privadas e os levou para as públicas. Fato confirmado com dados do Censo Escolar 2016, que indica aumento de 9.681 na quantidade de estudantes nas redes estadual e municipal de ensino de Mato Grosso do Sul. Essa situação conteve a redução frequente que vinha sendo registrada, ano a ano, no número de matriculados em colégios públicos.

No Censo de 2014, o Estado tinha 564.787 alunos matriculados. Número que caiu para 559.398 em 2015 e que neste ano está em 569.079. Para o doutor em educação Antônio Osório, a explicação para tal fenômeno é simples: o empobrecimento da população. “O empobrecimento da família é a razão, porque os pais tiraram os alunos da rede privada e os matricularam na pública”, disse.

Essa situação decorre da crise econômica que afeta o Brasil e que obrigou muitas famílias a optarem por reduzir gastos, entre eles, o pagamento das mensalidades escolares. “É um fenômeno cultural e econômico que visa garantir o ensino”, sustentou.
Fonte: Correio do Estado

MERCADO ECONOMIA.
PUBLICIDADE:
d09166e5-632e-45f3-a74c-a50fed6ad83a

Comentarios

Más popular

Arriba