Economia

Com festa em SP, Samsung lança Galaxy S7 no Brasil

Com festa em SP, Samsung lança Galaxy S7 no Brasil

      

Divulgação/SamsungS7: aparelho da Samsung mostra informações na tela o tempo todo

Lucas Agrela, de Exame.com

São Paulo – A Samsung lançou, na noite de ontem (17), o seu novo smartphonetopo de linha, chamado Galaxy S7. O aparelho representa o produto mais importante para o segmento móvel da empresa para o primeiro semestre deste ano e, por isso, o anúncio foi realizado emSão Paulo, em uma apresentação de grande porte com a presença de famosos e executivos da companhia. 

O Galaxy S7 chega para assumir o posto ocupado desde abril do ano passado pelo Galaxy S6. Assim como o antecessor, o smartphone premium chega em duas versões. Uma delas tem tela com bordas curvas, enquanto a outra tem um display reto tradicional. Eles serão chamados de Galaxy S7 edge e Galaxy S7, respectivamente. 

As principais novidades desses dois smartphones são uma tela sempre ativa que exibe notificações, data e horário; uma tecnologia de filmagem em movimento que tira proveito de um recurso chamado Dual-Pixel (que permite alternar o foco facilmente em cenas em movimento); um autofoco com velocidade de 0,2 segundo; e a volta de duas características deixadas de lado na geração passada, o suporte para cartões de memória e a resistência à água e à poeira (de acordo com a certificação IP68). 

Publicidade

Os materiais usados pela fabricante sul-coreana na sua linha de luxo continuam os mesmos. Depois de abandonar o policarbonato, ela adotou o vidro reforçado Gorilla Glass 4, da Corning, nas partes frontal e traseira, enquanto o contorno é de metal. As opções de cores são preto, prata e dourado, mas outras tonalidades devem chegar em breve. 
Além das curvas, os tamanhos das telas do S7 e de sua versão edge também são diferentes. O primeiro tem 5,1 polegadas, enquanto o segundo é maior, com 5,5 polegadas. A resolução de ambos é a mesma: Quad HD (2560 por 1440 pixels).  

Essa qualidade de imagem é superior à Full HD, mas inferior à 4K. Ela é importante porque os dois aparelhos podem ser usados com o dispositivo de realidade virtual Gear VR. Como os smartphones ficam muito perto dos olhos do usuário, uma densidade de pixels maior ajuda a não ver os pontos na tela. Aliás, na fase de pré-venda, que se inicia hoje, quem comprar um S7 ganha um Gear VR como brinde. Separadamente, ele custa 800 reais. 

A capacidade das baterias dos aparelhos também é distinta. O S7 tem bateria com carga máxima de 3.000 mAh e o S7 edge suporta 3.600 mAh.  

Por dentro, os dois modelos são iguais. Ambos têm memória RAM tem 4 GB, processador Exynos 8890 octa-core, 32 GB de armazenamento interno com suporte para cartões microSD de até 200 GB, além de câmeras de 12 MP e 5 MP. Edições com 64 GB de armazenamento interno não serão vendidas no Brasil, ao menos nesse primeiro momento. 

Reprodução/Samsung/EXAME.com

Galaxy S7: câmera agora é menos protuberante

Em relação aos smartphones antecessores S6 e S6 edge, os novos são 30% mais potentes e 60% melhores no processamento gráfico. Apesar disso, a fabricante diz que há um sistema de resfriamento que evita que eles esquentem durante o uso. 

Quem conduziu o evento de apresentação dos novos smartphones foi a modelo brasileira Caroline Ribeiro, que dividiu o palco com executivos da Samsung, como Renato Citrini, gerente sênior de produtos, e com o fotógrafo J.R. Duran, conhecido por fotografar famosas para a Playboy. Duran foi chamado pela marca para comentar os recursos do S7 para fotos. “A rapidez que temos nessa câmera é incrível. Comparado a uma câmera snapshot, é supersônica”, declarou o fotógrafo.  

Lucas Agrela/EXAME.com

Divulgação/Samsung

Comentarios

Más popular

Arriba