Otros

Chances de Temer ficar aumentaram

Última semana foi positiva para o presidente, mas as chances de queda ainda são maiores, segundo a consultoria

Por Luiza Calegari access_time 6 jun 2017, 15h59 more_horiz
Presidente Michel Temer
Michel Temer: chances do presidente cair agora são de 60%, segundo a Eurasia (REUTERS/Ueslei Marcelino/Reuters)
São Paulo – Diante dos fatos da última semana, as chances de Michel Temer se manter na presidência aumentaram de 30% para 40%, segundo a consultoria Eurasia.

Isso significa que as chances de queda caíram, de 70% para 60%, mas ainda há mais fatores contra do que a favor do presidente.

As duas pedras no sapato de Temer se chamam Rodrigo: o ex-deputado Rocha Loures, que foi preso e pode ligá-lo à Lava Jato em uma eventual delação premiada, e o procurador-geral Janot, que pode apresentar denúncia contra ele ainda nesta semana.

Esses fatores, combinados, levam a Eurasia a apostar que os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vão pedir vistas no processo que pode levar à cassação da chapa Dilma-Temer, pedindo mais tempo para avaliar o caso.

A Eurasia também fez uma avaliação do panorama político brasileiro, destacando que há grandes chances de o PSDB abandonar o governo, mesmo que isso não aconteça ainda nessa semana.

Mesmo que as lideranças impeçam uma saída oficial, a consultoria afirma que parte dos deputados vai romper por conta própria, o que também vai afetar a governabilidade de Temer para aprovar as reformas que prometeu ao mercado.

O maior risco é a reforma da Previdência, já que, segundo a Eurasia, a reforma trabalhista deve passar na Comissão de Assuntos Econômicos hoje e nas outras comissões, chegando a plenário depois do dia 15.

Comentarios

Más popular

Arriba