Otros

Cariocas são presos na fronteira com mais de R$ 55 mil em notas falsas

Eraldo Ferreira de Souza Junior, de 35 anos, e Virgílio Ximenes Melo, de 30 anos, moradores em Duque de Caxias (RJ), foram presos na fronteira do Paraguai com Ponta Porã, a 350 quilômetros de Campo Grande. Eles estavam com mais de R$ 55 mil em notas falsas, além de bebidas adulteradas.

Os cariocas estavam em um Audi A3, placas PX-5999 de Belo Horizonte (MG) quando foram abordados por agentes da PRF (Polícia Rodoviária Federal) na BR-463. Em vistorias no veículo os policiais encontraram 14 maços de dinheiro, com 2.659 cédulas de R$ 20 e 204 cédulas de R$ 10.
ESTEJA CONECTADO.!!
whassap-capitanbado

As notas apresentavam sinais de falsificação e no carro também foram encontrados 11 litros de whisky Johnnie Walker Black Label, visivelmente adulterados. Eraldo e Virgílio confessaram que o dinheiro e as bebidas eram falsificados e foram presos em flagrante.

Virgílio assumiu a propriedade do dinheiro falso, afirmando que comprou em Pedro Juan Caballero (PY) por R$ 3,9 mil. As notas, que somaram R$ 55.220, seriam repassadas em uma festa ‘rave’ em Búzios (RJ). Eraldo seria o ‘patrocinador’ da viagem e disse que foi até o Paraguai para comprar bebidas e revender na festa.

Eraldo ainda afirmou que desistiu por conta dos preços elevados e acabou comprando as bebidas falsificadas. Com ele foram encontrados R$ 16.719 em notas aparentemente verdadeiras.

A dupla foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Federal de Ponta Porã.
CORREIO DO ESTADO

PUBLICIDADE.
1argamasa-grudabem-1

Comentarios

Más popular

Arriba