Otros

Briga familiar termina com filho morto pelos pais no Paraná

O pai e mãe de Cristiano foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil onde serão autuados por crime de homicídio.
Uma tragédia em família aconteceu na noite deste sábado (24), na Vila Nova em Maringá, no Paraná. Foi na Rua Garibaldi na residência de Cristiano Mura Alves de 33 anos que o crime de assassinato aconteceu.

Cristiano Mura era viciado em álcool e crack há cerca de 15 anos, e esse período causou muito transtorno para os pais.

Desde quinta-feira (22), o filho estava tentando agredir o pai, e na noite deste sábado, infelizmente o senhor Augusto Alves de 56 anos matou seu próprio filho com golpes de enxada, paulada, e quatro tiros de pistola.

De acordo com o Delegado de Polícia Civil, Diego Almeida, que compareceu na cena do crime, o pai teria agido em legítima defesa após ter sido novamente agredido pelo filho. Depois de ferir Crisitiano com pauladas e enxadadas na cabeça, o senhor Augusto pegou uma corda, amarrou os pés do filho para conter o rapaz, e pediu que a esposa e mãe do rapaz fosse até o quarto e trouxesse a arma de fogo.

Com uma pistola calibre 380 em mãos, o pai efetuou quatro vezes matando o filho nos fundos da casa. Depois de consumar o homicídio, o autor do crime fugiu em um caminhão.

Equipe do Serviço Velado com apoio da ROTAM de Maringá conseguiram após 30 minutos da morte achar o assassino deitado na cabine do veículo em um pátio de posto de combustíveis próximo da entrada de Sarandi. O senhor Augusto não reagiu a prisão e foi algemado. Levado novamente a sua casa, o pai mostrou onde escondeu a pistola que matou o filho.

Os pais assumiram o crime alegando que não aguentavam mais a brutalidade e agressividade do filho nesses últimos 15 anos.

O pai e mãe de Cristiano foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil onde serão autuados por crime de homicídio.

A Delegada de plantão, decidirá se autua os pais por legítima defesa ou não.MARECHAL NEWS

Comentarios

Más popular

Arriba