Otros

Após assassinar ex-namorada, homem confessa crime no Facebook: “matei porque me traiu”

Francisca das Chagas Sérgio, de 30 anos, morreu esfaqueada dentro de casa em Rio Claro

Um homem é suspeito de matar a ex-namorada a facadas em Rio Claro, interior de São Paulo. Depois de cometer o crime, José Honório de Souza, de 42 anos, publicou uma confissão no Facebook: “matei porque me traiu”.

Souza e Francisca das Chagas Sérgio, de 30 anos, namoraram por três anos, mas estavam separados havia nove meses. Durante este período separados, os dois continuaram saindo de vez em quando.

Há cerca de três semanas, Francisca decidiu romper definitivamente o relacionamento com Souza e passou a ser ameaçado por meio de mensagens e ligações.

O crime aconteceu nesta casa em Rio Claro. O homem foi até a casa da ex-namorada dizendo que precisava da moto dela emprestada. Como garantia de que devolveria o veículo, o filho mais velho da vítima foi com ele.

Os dois saíram do local com a desculpa de que iria fazer um trabalho rápido na casa do suspeito. Pouco tempo depois, Souza voltou sozinho para devolver a moto.

Ele chamou Francisca. Ela saiu da casa, mas voltou porque tinha esquecido a chave do portão. A mulher também não se lembrou de que havia um molho de chaves na moto. O suspeito, então, invadiu o local e a esfaqueou até a morte.

Os outros três filhos da mulher que também estavam na casa tentaram socorrê-la, mas ela não resistiu aos ferimentos.

O homem fugiu do local levando a moto e o celular. Ele prometeu matar também um homem que estaria saindo com Francisca.

Algumas horas depois de matar a ex-namorada a facadas, o homem publicou a confissão na rede social. Na internet, ele se apresenta como José Amado Souza. Os amigos pareciam não acreditam e o homem continuou respondendo aos comentários.

Apesar da confissão, o homem continua foragido.
Fonte:R7

PUBLICIDADE:
NORTE

Comentarios

Más popular

Arriba