Brasil

ALERTA:Governo do Paraguai pede que mais 7 mil familias deixem suas casas por inundações

Governo do Paraguai recomendou neste sábado que 7 mil moradores da cidade de Alberdi, na fronteira com a Argentina, deixem suas casas devido à alta do Rio Paraguai e às fissuras que surgiram na barragem construída para conter a água.

Os afetados pela possível inundação serão levados à cidade portuária de Villeta, na região metropolitana de Assunção, informou em comunicado o Ministério de Obras Públicas e Comunicações.

O titular da pasta, Ramón Jiménez Gaona, viajou na manhã de hoje a Alberdi, no sul do Paraguai, acompanhado de outros representantes do governo para examinar o estado da barragem que protege a população do avanço do rio. As fissuras foram detectadas há um mês.

Diante do aumento do nível do Rio Paraguai, que está em 9 metros em Alberdi, e da possibilidade do rompimento da barragem, os integrantes do governo decidiram tirar as pessoas do local.

Mais de 90 mil desabrigados estão na capital devido às inundações provocadas pelo Rio Paraguai, que chegou a 7,8 metros durante o Natal. Eles foram recebidos em abrigos habilitados pelo governo há duas semanas, quando o problema começou.EFE
PUBLICIDADE:
20151112150555

Comentarios

Más popular

Arriba