Policial

PONTA PORÁ: Pai tenta defender filho em briga e acaba morto a tiros

Pai tenta defender filho em briga e acaba morto a tiros em lanchonete

Crime aconteceu na madrugada deste domingo (10) no centro de Ponta Porã
PUBLICIDADE:
FB_IMG_1450493732920-574x415
Confusão em lanchonete terminou com um homem, de 46 anos, morto na madrugada deste domingo (10) em Ponta Porã, a 346 km de Campo Grande.
Ele foi defender o filho em uma briga e acabou atingido por três tiros. O suspeito pelo crime foi identificado, mas está foragido.
Segundo informações do boletim de ocorrência, o crime aconteceu por volta 4h52min na Avenida Brasil, quando o filho da vítima, Diego Pietro, e Orlando Flores, de 53 anos, começaram a brigar.
O pai de Diego, Mauro Prieto, o tio dele, Rosalio Prieto, e o dono da lanchonete onde aconteceu a confusão apartaram a briga e Flores deixou o local, sem ameaçar ninguém.
Pouco tempo depois, Flores retornou com um revólver calibre 38 e atirou contra Mauro Prieto, que morreu no local. O suspeito ainda tentou acertar Rosalio, mas não conseguiu e deixou o local.
Aos policiais, testemunhas disseram que o suspeito e a vítima eram amigos há mais de 20 anos e nunca haviam brigado.
O caso foi registrado na delegacia do município e será investigado. Não foi divulgado o motivo da discussão entre Orlando Flores e Diego Pietro.
C.D.E

PUBLICIDADE:
outdoor-strida

Comentarios

Más popular

Arriba