Policial

P. Porã: “Não adianta reclamar, vou amarrar e fazer sexo com você”, ameaça marido descontrolado

Uma mulher, de 26 anos foi espancada pelo marido, de 27 anos, depois de demorar para voltar do serviço, na cidade de Ponta Porã, na última terça-feira (7), segundo o boletim de ocorrência registrado nesta quinta-feira (9), na Delegacia de Atendimento a Mulher.

Segundo informações da ocorrência, a mulher teria saído para fazer entregas de produtos de beleza e demorou em voltar para casa. Ao chegar à residência o marido a estava esperando nervoso quando começou uma discussão.

O autor a colocou no sofá e começou uma sessão de agressões físicas, chutando as pernas da esposa, dando socos e tapas no tórax, além de pancadas na cabeça. Depois das agressões o autor a ameaçou, “Não é para você pedir ajuda para ninguém, por que se você fizer isso eu te mato”.

“Posso ficar preso, mas quando sair mato toda a sua família”. O autor ainda disse para a mulher, “Não adianta reclamar, vou amarrar você e fazer sexo com você”. A vítima conseguiu fugir e pediu medidas protetivas contra o autor.

Midiamax

Comentarios

Más popular

Arriba