Policial

Ex-candidato a vereador e esposa são presos por não pagar conta em mercado

Ao tentar sair de um supermercado, na Vila Progresso, em Campo Grande, na noite desta terça-feira (27), sem pagar o restante da compra feita, um casal acabou detido e levado para a delegacia de polícia. O autor foi candidato a vereador na cidade de Aquidauana, em 2016, obtendo 49 votos.
PUBLICIDADE.

Por volta das 21 horas desta terça-feira (28), após passar as compras pelo caixa e se dirigir a saída o alarme do supermercado acionou o dispositivo. O casal foi abordado já no estacionamento do estabelecimento por um segurança, que pediu para ver a nota fiscal das compras.

O homem de 47 anos afirmou que tinha perdido a nota fiscal, momento em que foi pedido que abrisse o porta-malas do carro e o autor disse que estava estragada a fechadura. Ao ver que não teria como sair do estabelecimento acabou abrindo o carro para a conferência da compra.

Ao fazer a conferência foi notado que o casal pagou por alguns produtos, que totalizaram R$ 1.351, mas deixaram de pagar por produtos no valor de R$ 1.031. Entre os itens estavam três bichinhos de pelúcia.
PUBLICIDADE.
SAFRA Cambio #

Eles foram detidos e levados para a delegacia de polícia. A filha do casal foi entregue ao avô. O casal foi autuado por furto qualificado mediante concurso de pessoas.
Outro Caso
Na noite do dia 21 deste mês, um acadêmico de 21 anos foi detido e levado para a delegacia de polícia após furtar chocolates de dois supermercados de Campo Grande, que segundo ele seria para pagar a faculdade.

Por volta das 21 horas, funcionários do supermercado Atacadão, na Avenida Costa e Silva acionaram a polícia depois de flagrarem e deterem um jovem que teria furtado chocolates do estabelecimento.

Com a chegada da polícia, o acadêmico confessou o furto e disse que já teria furtado outro supermercado na cidade. No Atacadão ele levou em chocolates o valor de R$ 1.450, já no outro supermercado, Fort Atacadista, o jovem furtou o valor de R$ 600 em chocolates.

Ele disse que revenderia os chocolates e o dinheiro serviria para pagar a mensalidade da faculdade. Quando perguntado onde estava os produtos do furto afirmou ter escondido em um hotel. Ao chegar ao quarto do hotel, a polícia encontrou 11 pacotes de chocolate Bis, 5 potes de Nutella, 15 barras de chocolate Lacta, 1 caixa de Ferrero Rocher e 2 pacotes de bala, sendo os dois últimos produtos pagos pelo acadêmico. O acadêmico foi levado para a delegacia de polícia e autuado por furto.MIDIAMAX

PUBLICIDADE:

NOSSO NOVO PATROCINANTE.
HOTEL ITALYAN’S
EM PONTA PORÁ – MS

Comentarios

Más popular

Arriba