Policial

ESTUPRO: APÓS DENÚNCIA, POLÍCIA PRENDE PASTOR DA IGREJA PRESBITERIANA

ESTUPRO: APÓS DENÚNCIA, POLÍCIA PRENDE PASTOR DA IGREJA PRESBITERIANA
Segundo a polícia, os abusos aconteceram por 5 anos na própria igreja e também na casa do evangélico. O caso aconteceu no Rio de Janeiro.
ImprimirImprimir página
Rio de Janeiro – A polícia do Rio de Janeiro prendeu nesta sexta-feira (28/7) líder de uma igreja presbiteriana por abusar sexualmente, durante cinco anos, de uma menina de 13 anos que frequentava o tempo, localizado em Senador Camará, na Zona Oeste. As informações são do jornal Extra.

Conforme a publicação, o religioso começou a ser investigado pelos policiais, em junho, após denúncias registradas por familiares da vítima.

Segundo a polícia, os abusos aconteciam na própria igreja e também na casa do suspeito, que fica ao lado da igreja. A família deixava a menina na residência do pastor para ficar ao cuidados da mulher dele, mas, quando a mulher deixava a casa, ele praticava os abusos.

O líder ainda oferecia balas e doces, além de uma pequena quantia de dinheiro para a menina. Depois que o caso veio à tona, o pastor fugiu do local onde mora, mas voltou depois de um mês e teve a prisão temporária decretada.

PUBLICIDADE.

Comentarios

Más popular

Arriba