Brasil

Oito atitudes para ser mais feliz em 2016, de acordo com a ciência

O ano está chegando ao fim, mas você já pode começar a mudar algumas atitudes para garantir um 2016 mais equilibrado e feliz. E para te ajudar a deixar a mente saudável, o DAQUIDALI sugere oito passos comprovados pela ciência.
PUBLICIDADE:
MERCADO DA ECONOMIA - SAPUCAIA

PRATIQUE A GRATIDÃO

A vida fica melhor quando você nota o seu lado bom, e expressar a sua gratidão pelos pequenos detalhes, seja pelo seu animal de estimação ou até a sua música favorita tocando no rádio, só vai aumentar o seu bem-estar. É isso o que indica um estudo realizado pela UNIVERSITY OF MIAMI.

ESCREVA UM DIÁRIO

Colocar suas memórias no papel pode ser libertador. Um estudo da OHIO STATE UNIVERSITY, realizado em 2012, descobriu que escrever o que te estressa e então jogar o papel no lixo é ótimo para limpar a mente das experiências negativas, especialmente durante a noite quando um problema específico não te deixa dormir.

SE EXERCITE

Quando você se exercita o corpo libera endorfina, um hormônio que aumenta o bom humor e a sensação de prazer. Além de manter o corpo em dia, cientistas da UNIVERSITY OF MICHIGAN garantem que caminhar em grupo ajuda a reduzir sintomas de depressão.

MANTENHA SEUS AMIGOS

PUBLICIDADE:
20150924181037

Manter boas amizades é muito importante, e vale a pena garantir o convívio com eles. Um estudo mostrou que MANTER CONEXÕES SOCIAIS É IMPORTANTÍSSIMO PARA A SAÚDE MENTAL e que passar um tempo ao lado de pessoas queridas alivia o estresse.

TENHA UMA DIETA BALANCEADA

Acrescente alimentos saudáveis e corte o que é prejudicial. Comer bem está ligado à saúde de maneira geral, incluindo o bem-estar mental. TENTE ADICIONAR FRUTAS E VEGETAIS NA SUA DIETA DIÁRIA e evitar os alimentos ricos em gordura ruim.

OUÇA MÚSICAS TRISTES

Não está se sentindo bem? Aposte na música! De acordo com um estudo publicado pela PLOS One, ouvir canções melancólicas melhora o humor e pode até te ajudar a superar o término de uma relação.

DURMA MAIS

Um sono ruim não afeta apenas a sua energia, cientistas da TEL AVIV UNIVERSITY garantem que a privação também é responsável pela dificuldade em regular as emoções.

SEJA GENTIL

Uma série de estudos publicada no JOURNAL OF SOCIAL PSYCHOLOGY sugere que a gentileza é algo cíclico, e que ao ser gentil com um desconhecido você se sente melhor e mais feliz.
PUBLICIDADE:
anuncie7

Comentarios

Más popular

Arriba