Fronteira

PREFEITO SE DERRETE EM ELOGIOS E POPULAÇÃO FICA A MERCÊ DOS DELINQUENTES EM PONTA PORÃ

Assaltantes continuam aterrorizando comerciantes e moradores com onda de assaltos, roubos e furtos na Ponta Porã na fronteira com o Paraguai e prefeito se derrete em elogios ao mestre dos magos que lhe apresenta indices de redução na criminalidade.

Na noite de segunda feira (31) os assaltantes transitaram livremente pelas ruas da cidade de Ponta Porã, com armas em mãos aterrorizando as suas vitimas, que tiveram seus bens retirados a forças pelos delinquentes, mas a ação mais ousada foi próximo a uma faculdade da cidade, aonde os assaltantes chegaram a realizar disparos de arma de fogo contra a instituição de educação que fica a metros de um posto da Policia Militar de Ponta Porã, que por sinal se encontrava abandonada após a administração municipal e a população realizar a recuperação do mesmo e entregar ao comando da PM de Ponta Porã, mas que ficou abandonada pelo mesmo, assim como as ruas da cidade, onde os delinquentes transitam em dupla a bordo de motocicletas aterrorizando os trabalhadores, estudantes e moradores da cidade.

A falta de um projeto de segurança publica tem beneficiado os delinquentes nesta parte do estado do Mato Grosso do Sul a causar enormes perdidas aos comerciantes e moradores durante suas ações, mas segundo o prefeito Hélio Peluffo Filho (PSDB) na cidade de Ponta Porã os índices de criminalidade descendeu nos últimos meses, tanto que o mesmo. Supostamente, dorme tranquilamente em quanto seus familiares transitam pelas ruas da cidade.

Moradores da cidade ja iniciaram o movimento “Ponta Porã de Joelhos pede Socorro” que devera ir as ruas da cidade em manifestação contra a atual situação de insegurança e mostrar ao prefeito o verdadeiro caos nas ruas da cidade.
P.news

Comentarios

Más popular

Arriba