Fronteira

Casamentos marcam a passagem da Carreta da Justiça em Coronel Sapucaia

Terminaram nesta sexta-feira (19) os atendimentos da Carreta da Justiça na comarca de Coronel Sapucaia, distante 395 km de Campo Grande. Durante os cinco dias de serviços para a população sapucaiense, foram mais de 350 pessoas atendidas.

A iniciativa faz parte do programa Judiciário em Movimento, que tem como objetivo levar a justiça para mais próximo dos cidadãos. A unidade móvel do Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul estava instalada na Rua Amâncio José da Silva, em frente a antiga creche Daiane Pirolli.

Mais uma vez, as conversões de união estável em casamento foram o serviço mais procurado. Pelo menos 63 casais procuraram a unidade da justiça para formalizarem o que há muito tempo já era de conhecimento de todos. O mais interessante neste trajeto da Carreta da Justiça é que, pela cidade fazer fronteira com o Paraguai, muitos casais formados por pessoas das duas nacionalidades procuraram a justiça para formalizar suas uniões.

Este foi o caso de Empólita Ocampos e Vicente Barrios. Ela brasileira e ele paraguaio. A filha de Empólita, Evelin Beatriz Ocampos, também aproveitou a ida da justiça para Coronel Sapucaia e casou-se com seu noivo, José Del Rosário Freitas Benegas.

A equipe, coordenada pelo juiz Luiz Felipe Medeiros Vieira, responsável pela Vara da Justiça Itinerante do Estado de MS, trabalhou intensamente de segunda a sexta-feira, até a finalização dos trabalhos. Nos cinco dias na comarca foram convertidas 63 uniões estáveis em casamentos, duas coletas para exames de DNA, quatro divórcios e dois pedidos de alimentos, guarda ou visita, além de outros serviços jurídicos, prestados de forma rápida e gratuita.

Próximas cidades – A administração do Tribunal de Justiça, sob a gestão do Des. Divoncir Schreiner Maran, já definiu as próximas comarcas a serem atendidas pela Carreta da Justiça, depois de Coronel Sapucaia.

A Carreta da Justiça continua na região de fronteira com o Paraguai. A partir de segunda-feira (22), o serviço estará em Paranhos, seguindo até o dia 26 de maio. Depois será a vez de Tacuru, de 29 de maio a 2 de junho, também na região fronteiriça.

Em junho será a vez de Japorã (de 19 a 23) e Laguna Carapã (de 26 a 30). Vicentina receberá a equipe da carreta de 10 a 14 de julho; Jateí, de 17 a 21 de julho, e Novo Horizonte do Sul, de 31 de julho a 4 de agosto.

Quatro cidades serão contempladas nos meses de agosto e setembro: Juti (de 21 a 25 de agosto), Douradina (de 28 de agosto a 1º de setembro), Santa Rita do Pardo (de 11 a 15 de setembro) e Selvíria (de 18 a 22 de setembro). Nos três últimos meses do ano será a vez de Paraíso das Águas (de 2 a 6 de outubro), Jaraguari (de 6 a 10 de novembro), Figueirão (de 20 a 24 de novembro) e Alcinópolis (de 27 de novembro a 1º de dezembro).

Para o ano de 2018, Ladário será a primeira a receber a Carreta da Justiça, de 29 de janeiro a 2 de fevereiro.

Autor da notícia: Secretaria de Comunicação – [email protected]

Comentarios

Más popular

Arriba